30 Coisas - Dia 10

10– Descreva o seu momento mais embaraçoso.

Antes de contar essa história vamos lembrar que grávidas são bichinhos dorminhocos e mijões, e entender que minha faculdade ocupa os 4º e 5º andares do NorteShopping.

Um dia saindo da prova de Pensamento e Linguagem, estava muito apertada pra fazer xixi e como eu tinha  prova de Psicologia Social logo depois corri pro banheiro. O banheiro do 5º andar estava enterditado, o do 4º andar com filas enormes e lá fui correndo pro 3º andar. Assim que entro no banheiro percebo que está tudo ocupado e deixo escapar em voz alta "Tudo ocupado? Não acredito." Nesse momento uma moça sai da cabine e me diz que só um estava funcionando. Okay...Entra no banheiro, e sente aquele alívio, aquela paz de espírito...aquela falação?!? Aí vou voltando a realidade e PUTA QUE PARIU CARAMBA!!!! Estava a grávida dormindo sentada no único box funcionando no maldito banheiro! Levanto cheia de vergonha e quando saio vejo uma fila quilométrica...caraca, que vergonha!!!! Que vergonha!!!!
Sem sombra de dúvida o momento mais embaraçoso que eu já vivi.

Comentários

  1. Noooossa Mari!!
    Fiquei imaginando a cena aqui! rs
    Nem preciso dizer que ri né?!
    Desculpa??

    Beijãao

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tá liberado pra rir, Amanda...até eu, hoje dou risada.

      Excluir
  2. hahaha... aiii meu Deus...adorei essa história... rsrs Fico imaginando vc a hora que se deu conta que tinha dormido.... rsrsrsrs

    Beijooos

    http://esperadomeupresentinho.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Nossa Mariana que história...incrível!

    Estou te escrevendo para agradecer a visita e o comentário no meu post.

    Já conhecia o seu outro blog Devaneios, e até sigo, esse ainda não.

    um grande beijo e que você consiga sair desse estágio que está te aborrecendo tanto.

    felicidades e sucesso sempre!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Os comentários são moderados para evitar a fadiga, mas não se acanhe e comente ou me sentirei falando sozinha.

Postagens mais visitadas deste blog

A perda gestacional existe...e tem rosto.

Epifanias

5 meses: Celebrações e Desenvolvimento