O banho e eu...

Bom, pra quem não sabe, desde que eu nasci minha casa sempre teve uma criança, na verdade desde antes de eu nascer. Por isso cresci cercada de crianças em todas as faixas e acabei me habituando a cuidar das mesmas. Minha mãe sempre quis muitos filhos, meu pai não queria nem eu (verdade, quando ele soube que minha mãe estava grávida ficou quase 1 mês sem falar com ela, mas passou e hoje ele é obrigado a me amar hihihi), então por conta disso ela sempre se cercou de crianças...imaginem que ela dava aula pro CA (ainda chama CA ou hoje tem outro nome) de segunda a sexta e sábado e domingo sempre tinha criança em casa...foi assim que eu cresci.
Pela família do meu pai, eu fui a primeira neta e por 7 anos fui a única, daí em 1995 nasceu a Nathália e ela virou minha boneca viva, era quase uma baby alive, só que no caso um bebê de verdade. Eu trocava fralda (de xixi só), fazia a mamadeira e dava a mamadeira, era eu quem controlava a hora que quando faziam 3:50h que ela tinha mamado, corria pra cozinha pra fazer a próxima mamadeira, a mãe dela me incentiva a beça, mas agora percebo que eu era só uma babá que trabalhava de graça.
Hoje em dia ela tem 18 anos...


De lá pra cá não parou, e eu sempre ajudei minha mãe a cuidar das crianças, e fazia de tudo, dava mamadeira, trocava fraldas de xixi, vestia...só não dava banho e trocava cocô....
Daí um dia no final de 2004, minha madrinha precisou sair com urgência e deixou os 4 filhos aqui (hoje eles são meus cunhados), meus pais também haviam saído, mas ela confiava em mim...disse que a Aninha, na época com 5 meses, estava com a barriga cheia e limpinha e que ela voltava antes do cocô ou dela sentir fome (todo mundo sabia do meu bloqueio), mas que tinha fraldas, lenço e a mamadeira pra misturar na bolsa...vejam bem, não deu 10 minutos que eles chegaram ela sujou a fralda...daí lascou, liguei pra minha mãe perguntando se ela demorava, mas eles ainda estavam no Saara (meu pai não vai ao Centro de carro, deixa o carro próximo do metrô e vai de metrô) e que iam demorar...bateu aquele desespero...Levei ela pro quarto, tirei a sujeira, passei o lenço, levei no banheiro e lavei a bundinha dela na pia COM ÁGUA GELADA, depois passei mais lenço e enchi a bendita de pomada...passei MUUUUITA mesmo...e assim aos 16 anos deixei meu primeiro trauma pra lá....não arrisquei dar banho porque tinha muito medo de deixar ela cair, se afogar, quebrar ao meio...sei lá.
Dois anos depois da Aninha nasceram Matheus e Janine e eles eram tão pequetitos, tão delicadinhos que a ideia de dar banho neles me parecia absurda e mesmo que me oferecessem eu tinha PAVOR...
e assim eu sou até hoje. Banho só quando a criança fica de pé sozinha debaixo do chuveiro...
Ano passado quando a sogra veio me conhecer, ela só aumentou meu medo dizendo que no começo eu precisaria de ajuda pra dar banho, que não conseguiria sozinha e bla bla bla, que me abaixar no pós parto seria impossível (só depois descobri que ela fez cesárea, tadinha) daí fui conhecer a maternidade do HGB onde o Igor nasceria e durante o passeio a enfermeira informou que quem dá banho é a mãe, mostrou que cada bebê tem sua banheira e que é a mãe quem enche a banheira, dá banho e guarda a banheira depois...e a primeira coisa que me veio a mente foi "Ele vai ficar sujo até a hora da visita, porque eu não vou dar banho sozinha."
Eu tenho uma espécie de pânico, a impressão que eu tenho é que o bebê vai escorregar, cair na água ou que eu vou machucá-lo, arranhá-lo...quebrá-lo ao meio...é pavoroso!!!! Não consigo me imaginar dando banho num recém-nascido....daí fui assistir uns vídeos pra aprender e só fiquei mais tensa!!!


COMO EU VOU FAZER ISSO??? Apenas me digam...COMO????
É desesperador....
O meu desespero é tanto, que eu estou pensando em treinar o banho com brinquedos...juro. Pegar umas bonecas da Janine ou o Rodriguinho (Rodriguinho é um boneco que eu ganhei quando fiz 4 anos e é meu filho até hoje) e ir treinando com eles...

Ah a Suzy falou nos comentários do umbigo, daí lembrei de uma amiga contando que quando o umbigo do primeiro filho caiu, ela tentou colocar de volta de tão desesperada que ficou...bebê de encaixar!!!! Isso não é uma das coisas que mais me estressa, mas segue vídeo pra ajudar também...

Comentários

  1. Mari, acho super válido a ideia das bonecas, juro mesmo!
    Não se cobre tanto, vá com calma, aos poucos você vai perdendo o medo e o banho irá virar um momento muito gostoso entre vocês.
    E além do banho na banheira tem o banho de balde, balde próprio para dar banho no bebê, tem adaptador para a banheira para o bebê não escorregar, e tem ainda o seu instinto =)!
    Relaxe Mari, vai dar tudo certo!
    Bjuss

    ResponderExcluir
  2. hahahhaa, Ai Mari, na hora agente desenrola tudo!!!

    ResponderExcluir
  3. Nossa Mari... Eu achava que vc tinha medo, mas assim um medo normal... Mas o que vc sente é pânico, amiga... Não deixa isso assim não... e aqueles cursos que vc ia fazer de gravidez e pós parto? Acho que tudo é valido até treinar com as bonecas e com o Rodriguinho rsrs...
    Eu não tenho medo disso não... mas só de ler seu post eu senti seu medo... hehe
    Vai se acalmando, treinando, vendo vídeos... Mesmo pq nesses cursos vc sabe que é com bonecas que a gente aprende,né?? rsrs
    Como que vai fazer hein... =) Vc vai ter que vencer esse medo...

    Beijooos

    http://esperadomeupresentinho.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi flor !!!
    Não treine nos bonecos q é perda de tempo q não é a mesma coisa o bb se mexe o tempo todo e chora (pode me xingar sei que não to te ajudando rs) mas ser mãe é isso senti medo por tudo no começo é tudo tenso mesmo mas logo pega pratica massss é preciso dar banho todos os dias assim pega pratica e depois vc dará de olhos fecha rs.
    bjs minha linda.

    ResponderExcluir
  5. Sempre penso no banho também, mas não chego a ter pavor. Acho que tenho pavor é de tudo, não tenho a mínima experiência! Hahaha!

    Mas a gente aprende rápido e logo nem vai mais lembrar como era não saber.

    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Adorei a lembrança e ri mto com o bebê de encaixar, kkkkk
    Acredite que eu tb tinha medo do banho, mas qdo minha sobrinha nasceu prematura de 7 meses tive que dar banho no hospital pq a mãe estava debilitada e acho que depois dessa no meu filhote será tranquilo!!

    Eu estou pensando em usar o baldinho no começo, é menor e dizem que ajuda o bebê a relaxar !!

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Eu sou o contrário! O umbigo me dá mega nervoso! Nojo, não sei explicar.
    Minha sensação de limpar o umbigo será a mesma de ter que limpar vômito. Ecaaaa!!

    ResponderExcluir
  8. Mari,relaxa,marido sabe do seu desespero ele vai te ajudar,outra coisa,nao precisa de tres banhos por dia,e mais o instinto brota!!!!

    ResponderExcluir
  9. Primeiro banho q dei no Vic foi com dois meses de vida, eu morria de medo, eles se mechem, dá uma agonia mesmo! é diferente do boneco kkkkk

    ResponderExcluir
  10. Vixi, to vendo que o seu medo é grande mesmo, Mariana! Olha, eu tenho pavor de altura, mas as vezes eu enfrento esse medo quando não tenho outro jeito. É isso que sugiro a você: enfrente. Por enquanto com um baby de brinquedo, mas em breve com um bebê de verdade! ;)
    Beijos,
    Rita

    ResponderExcluir
  11. Isso amiga comeca a treinar! Eu sou louca pra da banho em bebe recem nascido acho o maximo, mas nunca ngm deixou rsrsr! Tenho problema nos bracos ( tendinite e epicondilite) ai minha prima mae da minha afilhada dizia q eu podia deixar ela cair e se afogar em tom de brincadeira mas acho q ela ficava insegura mesmo rsrsrsr
    Bjs amiga

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Os comentários são moderados para evitar a fadiga, mas não se acanhe e comente ou me sentirei falando sozinha.

Postagens mais visitadas deste blog

A perda gestacional existe...e tem rosto.

Epifanias

Sapos e Princesas