Tim tim

Tudo começou no dia 8 de janeiro, quando saímos para jantar e celebrar o aniversário do Valber. No segundo após o brinde minha mãe bateu o copo dela no do Ravi e disse as palavras mágicas "tim tim", foi ali que nasceu algo complexo e complicado, uma espécie de mania que beira o vício.
Basta que, apenas mais uma pessoa esteja bebendo qualquer coisa no mesmo comodo que ele, que o crianço levanta o copo e exclama "tim tim".
Outro dia estava recebendo duas amigas em casa, estávamos bebendo e batendo um papo animado sem prestar muita atenção no crianço, que brincava ao nosso redor. Mas ele parecia inquieto com o copo pra cima e quando eu foquei no que ele dizia percebi que ele implorava por um tim tim...nós brindamos, as meninas riram e ele sentou pra beber o suco enquanto brincava.
Então é isso...
Não se bebe água sem brindar nessa casa, achei que seria legal compartilhar com vocês.

Comentários

  1. Ahhh, que lindoooooo! Só toma cuidado pro tim tim não virar um splash com água molhando todo o chão, rs!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Os comentários são moderados para evitar a fadiga, mas não se acanhe e comente ou me sentirei falando sozinha.

Postagens mais visitadas deste blog

A perda gestacional existe...e tem rosto.

Epifanias

Uma Baita Viagem?!