Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2016

Pra eu não esquecer...

Era terça-feira, estava calor e eu levantei às 4 da manhã, bebi água, fiz xixi e sentei na sala, marido levantou logo em seguida e assim que pisou fora do quarto um choro ecoou pela casa.
Eu corri pro quarto e enquanto me deitava ao lado dele, que não é de chorar assim, perguntei o que havia acontecido.
"-Papai e mamãe esqueciu o Jagi." Ele disse ainda choroso.
Primeiro eu ri, confesso, depois expliquei que ninguém tinha esquecido ele e que eu só tinha ido fazer um xixizinho, ele me abraçou forte e manteve os olhos abertos e atentos. Só quando a porta do quarto estava devidamente fechada e o pai deitado é que ele se permitiu dormir, mas sem me soltar, é claro.

A escola do Ravi

Imagem
Desde a concepção estava decidido que Ravi iria pra escola em 2017, com 3 anos recém completos.
Em momento nenhum, até agorinha, eu havia me questionado se antes disso estaria na hora.
O tempo foi passando, Ravi foi crescendo e eu fui começando a achar que em casa ele não estava sendo estimulado o suficiente e fui começando a achar que de repente estava na hora. O pai era contra, dizia que era desnecessário e assim, deixamos pra lá....
Até que lá pra meados de outubro sempre que passávamos na porta de uma escolinha aqui perto de casa ele dizia que era "a escola do Jagi" e eu fui ficando com vontade de, de fato, matricula-lo por lá.
Liguei, vi, preço, horário e me animei. Localização ótima, horário perfeito, preço salgado, mas qual escolinha não é? O pai ainda insistia que era cedo, era jogar dinheiro fora e seguimos nessa...
E já que o problema era o preço, fui ver se aceitava o Educa Mais Brasil, aceitava...metade do preço. Agora vai!!!!
Vai?
Vamos usar a razão, Mariana?!
R…

O siricutico

Esta gestação não foi planejada, já contei isso aqui e no começo, assumo, estava tendo grandes dificuldades de ver o lado bom da coisa.
Mas, parece que passou...
Na terça indo resolver uns assuntos na rua e me vi olhando vitrines de lojas infantis, e comecei a querer fazer o enxoval. Comprar blusinha, mantinha, cueiro, body e todas aquelas roupinhas pequenas que a gente usa por uns 2 meses e depois tem que doar novinhas ainda.
E agora estou aqui com um siricutico danado de ir na Mega Gestante, e no shopping e a Madureira (desculpa, mas Madureira é a minha Miami kkkkkkk) e começar a fazer logo esse enxoval....


Sobre a Hora P

Estamos completando hoje, 21 semanas e com isso a hora do parto vai ficando cada vez mais próxima e com isso vou ficando cada vez com mais preocupações sobre o que fazer e como fazer.
A única coisa que decidi é que vou parir na MMA!!
Pois bem...vamos lá...
Aqui no Rio as gestantes que fazem acompanhamento pelo SUS tem uma maternidade de referência que é para onde devem ir quando o momento chegar, porque supostamente sempre haverá vaga para ela nessa maternidade.

~Pausa para o Flashback~ Quando cheguei na Fernando Magalhães para o nascimento de Ravi, fui informada de que não haveriam vagas e que eu deveria aguardar na emergência para ser transferida para o Hospital de Acari ou para o Mariska. Eu não poderia ir de carro até nenhum outro hospital, pois saindo dali perderia o direito de ser atendida.  ~Fim do Flashback~ Minha maternidade de referência ainda é a Fernando Magalhães e eu realmente não intenciono ir pra lá, por vontade própria não vou parir lá.  Então decidi ir para a MMA, coisa…

Falemos de desfralde...

Ravi fez 2 anos, chegou o verão e eu pensei: Bora desfraldar?
Mas, fui adiando, deixa passar o Natal, quem sabe depois do Ano Novo...
Aí do dia 1º minha tia veio aqui com Matheus, Janine e Guilherme. A criançada tomou banho de mangueira e no pós banho Ravi não quis usar a fralda.
De meia em meia hora eu perguntava se ele queria fazer xixi e ele sempre dizia que não. Até ele entrou correndo e pediu pra fazer xixi. Corremos pro banheiro e ele fez!!! Logo depois ele pediu pra colocar a fralda.
Woohoo!!! Animei.
Na segunda antes de sair, deixei o pequeno de cueca e fui!
Ele não pediu pra ir ao banheiro, avisou a minha mãe que iria fazer xixi, colocava o pinto pra fora e fez no chão . Ok...
E assim prosseguimos...
Acontece que ele nem avisa mais que está fazendo, só avisa depois que fez... e eu estou perto de desistir.
Vou tentar até a próxima sexta e se não ver avanços, vou parar e esperar até fevereiro pra tentar de novo...


Update: O post foi escrito na sexta e programado para entrar no…

O desmame natural

Eu poetizava o tal desmame natural, eu sonhava com uma coisa linda. Nós íamos viver uma coisa bonita e mágica, ia ser natural e mágico...
A verdade sobre o desmame natural é que seu filho um dia não está mamando mais, a não ser quando ele está com sono, ele não vai mamar mais nenhuma vez durante o dia ou depois das refeições ou quando estiver triste, ele só vai mamar pra dormir. E aí a ideia de acostumar a dormir sem o mama vai começando a parecer triste porque quando ele passar a dormir sem o peitito ele não vai mais mamar, ele estará desmamado...
E se até agora foi tudo natural pra ele, pra mim agora está traumático...