Por que eu ainda escrevo?

Sábado de aleluia, duas noites sem dormir porque Ravi está resfriado e tem mamado a noite, e tem acordado por conta da tosse.
Essa noite, por exemplo, foi tenso. Marido estava vendo filme com a TV alta, Ravi acordou e ficou acordado até quase 2 da manhã e eu ali junto, com dor na virilha, nas costas, contrações de treinamento e muito muito sono. 7 da manhã Ravi já estava acordado, queria suco, queria pão, queria ver desenho e queria fazer xixi... E eu queria chorar.
Aí liguei o celular e dei uma olhada no blogger e achei esse comentário

Esse post aqui de 2013 recebeu o comentário de um pai que vai fazer o berço do bebê!!! E ainda disse que volta pra mostrar quando estiver pronto...e é por isso que mesmo com a rotina puxada eu escrevo dois posts por semana. Porque coisas assim me deixam tão, mas tão feliz....

Comentários

  1. Tão gostoso esse retorno, essa troca, né Mari!
    Eu também adoro!
    E adoro o fato de você continuar escrevendo.
    Que venham cada vez novas histórias e mais motivações para seguir em frente.

    Sigamos juntas.
    Beijo beijo!

    ResponderExcluir
  2. Mari, te admiro muito, não consigo nem imaginar como você consegue estudar, cuidar da casa, do marido, do filho e ainda ter tempo para escrever em 3 blogs. Adoro seus posts, ora me fazem rir, ora me fazem chorar, sempre me fazem refletir! Que você nunca perca a vontade de escrever =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Má, obrigada!!!!!!!!!!
      Fiquei até sem jeito!

      Excluir

Postar um comentário

Os comentários são moderados para evitar a fadiga, mas não se acanhe e comente ou me sentirei falando sozinha.

Postagens mais visitadas deste blog

A perda gestacional existe...e tem rosto.

Epifanias

5 meses: Celebrações e Desenvolvimento