Grude

Ravi anda num grude que só, a ponto de algumas vezes ele acordar no meio da noite pra dizer que gosta de mim e voltar a dormir logo em seguida.
Se ele vai pra casa da minha mãe, eu tenho que ir junto, se eu vou ao banheiro ele entra comigo.
Quer ver desenho, mas eu preciso estar do lado.
Dorme de mãos dadas comigo e no fim de semana chegou a pedir mama!
Se eu saio do campo de visão dele começa uma gritaria de "Mamãe! Onde tá?".
Coisa de louco!!!
Além disso anda mega sensível! Qualquer coisa que o contrarie resulta em bico e lágrimas, aquele choro sentido mesmo.
Eu sei que é pela presença " invisível " da irmã, com roupinhas sendo lavadas e passadas, decoração do quarto alterada. Além da minha falta em alguns aspectos, já que não posso dar banho ou ficar com ela no colo muito tempo.
E aí eu já fico sofrendo aqui, consumida por culpa.

Comentários

  1. Anthony é esse grude comigo, meu cicletinho, e eu nem grávida estou...rsrs. Mari busque integrá-lo as rotinas com o bebê, acompanhar o banho, fazer carinho para dormir, escolher roupinha, ajudá-la a decorar o quartinho da bebê. Ciúmes é normal, ele via ter mesmo, mas tenho certeza que ele sente que também é muito amado e importante para você! Bjs

    ResponderExcluir
  2. Parece que to revendo o Victor na espera da irmã! Mari a adaptaçao não acaba nunca viu? Laura fez dois anos e os dois parecem cão e gato, entre tapas e beijos!
    E a disputa pelo colinho continua também até hoje! Mas ainda bem q temos dois braços ne, mãe sempre da um jeito!
    Fica com Deus, saudade!

    ResponderExcluir
  3. Ai tadinho, que dor no coração que deve dar, além de ser dificil por te coloca em uma posição complicada. Mas acho que ele vai se derreter de amor quando ver a irmãzinha ao vivo e a cores.
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. amigaaa me perdi, ou eu não li ou to louca q esqueci que seu bb é menina!!!
    Que delicia!
    Tadinho amiga, deve ta sentindo que logo passará a ser o irmaozinho mais velho rsrs!
    beijossss

    ResponderExcluir
  5. Culpa e maternidade são coisas indissociáveis. =/
    Precisamos ficar atentas porque, muitas vezes, a culpa vem porque a sociedade exije umas coisas surreais de nós. Ser boa profissional, mãe integral, linda, depilada...
    Bjs

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Os comentários são moderados para evitar a fadiga, mas não se acanhe e comente ou me sentirei falando sozinha.

Postagens mais visitadas deste blog

A perda gestacional existe...e tem rosto.

Epifanias

Sapos e Princesas