Brainstorming



Eu não consigo vender meu coaching porque penso muito como a Monique, essa  história de "Você só não é rico porque não quer" e "Largue tudo e empreenda" é altamente irreal para muitos de nós. E vejam bem, aqui ninguém trabalha de carteira assinada, mas essa é uma realidade possível a poucos e que precisa de muito planejamento.
Lendo a Marina um trecho em específico me chamou a atenção "porque julgar as escolhas do outro a partir da minha experiência não é empatia, é projeção" e é nesse ponto que eu me coloco, eu não acho justo colocar todas as pessoas no mesmo balaio e vender uma coisas como todos os outros vendem, eu acho injusto com quem compra e comigo, com aquilo que eu acredito.
Eu sou super a favor que as pessoas trabalhem com algo que gostem, mas eu não posso vender a máxima de "Encontre um trabalho que ama e você jamais trabalhará um dia sequer na vida.", porque isso é mentira!!! Por mais que você ame o que faz, ainda assim você vai precisar trabalhar pra chegar lá...

Eu sigo aqui, me planejando e me preparando pra viver de forma plena e ajudar o maior número de pessoas a viver também...

Comentários

  1. Mari, que honra você me citar aqui. Obrigada!!
    E ó, não acho que quem trabalha com o que ama não precisa trabalhar um dia sequer na vida, acho inclusive o contrário: trabalhe com o que ama e viverá trabalhando o tempo inteiro, hahahhahhaha.

    É complicado acharmos nosso espaço mas aos poucos vamos caminhando.

    Beijo beijo!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Os comentários são moderados para evitar a fadiga, mas não se acanhe e comente ou me sentirei falando sozinha.

Postagens mais visitadas deste blog

A perda gestacional existe...e tem rosto.

Epifanias

5 meses: Celebrações e Desenvolvimento